Daikin lançará chillers com R-1234ze

Equipamentos otimizados para operar com HFO serão oferecidos pelo fabricante até o fim deste ano

A Daikin anunciou que lançará uma série de resfriadores de líquido otimizados para operar com a hidrofluorolefina (HFO) R-1234ze, um fluido refrigerante alternativo ao hidrofluorcarbono (HFC) R-134a.

O lançamento de seu primeiro chiller com HFO foi revelado recentemente em Londres, numa conferência realizada para os distribuidores britânicos da marca japonesa.

Durante o evento, o especialista em produtos da operação local da Daikin, Richard Green, disse que a nova linha de chillers preparados para funcionar com refrigerante de baixo potencial de aquecimento global (GWP, em inglês) será lançada até o fim deste ano.

O lançamento proposto marcará a primeira incursão da companhia no uso do R-1234ze, que já foi adotado, pelo menos como uma opção, pela maioria dos principais fabricantes de chillers do mundo.

Segundo o site britânico Cooling Post, uma versão resfriada a água do equipamento será fornecida nas capacidades de 340 kW a 1.600 kW.

Diferenciais tecnológicos

Assim como as versões com R-134a, os modelos com R-1234ze são totalmente controlados por inversores e incorporam a mais recente tecnologia de compressor parafuso da Daikin, além da da nova geração de trocadores de calor inundados de alta eficiência.

Serão oferecidas versões com um ou dois compressores. Os equipamentos com compressor único terão 340 kW e 800 kW de capacidade, enquanto os modelos com dois compressores terão 870 kW e 1.600 kW de capacidade.

Classificado como levemente inflamável, o R-1234ze possui GWP abaixo de 1, segundo o Quinto Relatório de Avaliação (AR5) do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC). Isso significa que o novo refrigerante é menos nocivo ao clima do planeta que o próprio dióxido de carbono (CO2), cujo GWP é igual a 1.

De acordo com especialistas, a estrutura química das HFOs puras contém uma dupla ligação entre os átomos de carbono. Por essa razão, as moléculas dessa quarta geração de fluidos refrigerantes sintéticos têm vida curtíssima na atmosfera, uma característica que reduz, consideravelmente, seu impacto climático.

HFO - Hidrofluorolefina - Molécula
Dupla ligação entre os átomos de carbono reduz vida das HFOs na atmosfera

Adicionar comentário

Clique para comentar